22.6.11

"Ele não era um menino comum, isso eu soube desde que o vi.
Foi quando eu senti, mais uma vez, que amar não tem remédio."



/Caio F.

7 comentários:

Karine disse...

Que lindo!
E sim, amar não tem remédio...
Os textos daqui são lindos, tudo está lindo!
Ótima quarta-feira!
http://asoonhadora.blogspot.com/
Deus abençoe

Renata Fagundes disse...

o remédio é overdose de amor

beeeeeeeijo Si

Gonçalo disse...

gostei deste post :)

Maíra disse...

Lindo Caio... como sempre!

Jacy disse...

Nossa!! Como aqui está tão lindo.
E como estava com saudades desse cantinho tão aconchegante.

Dai volto e me deparo com belas palavras como sempre.

Beijos.

Ká. ✿~ disse...

lindo! inevitável amor...

:****

Danielle Martins disse...

Estou doente de amor!
Bjs!