31.1.11

... já me senti solitária, mas nunca fui sozinha.



Sou feita de gaiolas abertas. Portas destrancadas. Janelas sem grade.
Não aprisiono ninguém. Também preciso da liberdade me chamando pra dançar.
Mas, existem ocasiões, que a vontade de ficar fala mais alto e a gente faz um ninho, pede abrigo num abraço.
Confesso que já me senti solitária, mas nunca fui sozinha.”

8 comentários:

ღ Sensivity ღ disse...

Renata é show, né? Lindo esse texto dela. Passei para desejar uma ótima semana. Beijinhos.

Letícia Arruda disse...

Bom Dia Linda =D
Têm selinho pra vc lá no meu blog, olha eu acabei pegando aqueles selinho que vc disse que todos os seus seguidores podia pegar ta !!
Abração pra vc e bom começo de semana !!!

Juuh Nascimento disse...

'Não aprisiono ninguém. Também preciso da liberdade me chamando pra dançar.'

aah que delicia de post!

Deixar os outros livres, tbm é uma forma
nossa de liberdade.
Mas é sempre bom ter um ligar, um aconchego para
fazer o pouso.

*
*


Bjs minha querida, tenha uma semana
abençoada!!

Kaline disse...

Que verdade linda!

Tem selinho pra vc no meu blog ta?!
bom começo de semana pra vc!
beijos

Karine disse...

Flor tem selinhos para vc lá no meu blog, desculpa se não tenho visitado muito por aqui, é que está bastante corrido meus dias!

Juuh Nascimento disse...

Tem selinho la no meu cantinho pra vc

http://meeucantinho.blogspot.com/p/que-tudo-o-que-mais-lhe-importa.html

e so escolher o que mais te agrada.

Bjss flor

Juliana Luzzi disse...

Ah que liindo. Amei!

fatima disse...

linda, to seguindo aqi, muito lindo seu blogger, sério mesmo *-*
quando puder, dá uma olhadinha no meu blog, gostaria mto de te ter como seguidora :D

beeijos, fah :*